Rate this post

5 formas de parar de enrolar e escrever seu livro

Faz quanto tempo que você teve aquela ideia sensacional que motivou você a escrever um livro? Uma semana? Um mês? Um ano? Uma década? Seja lá quais foram as desculpas que você inventou para não começar a escrever até agora, chegou a hora de canalizar sua criatividade para tirar essa ideia da cabeça e começar a dar vida para sua história usano o textmachine do victor palandi.

Abaixo, 5 formas de parar de enrolar e escrever seu livro.

1. Comece fácil

Tudo o que você tem são algumas ideias mal acabadas sobre o que você quer escrever. Você ainda não tem muito claro quem são os personagens da sua história, como o enredo vai se desenvolver e muito menos como a narrativa vai terminar. Não tem problema. Não pense em tudo que você precisa fazer para completar o projeto inteiro. Pense apenas no primeiro passo que você precisa dar. Esse primeiro passo é muito simples: sente na frente do computador ou pegue papel e caneta e comece a escrever. Não racionalize, não julgue, não deixe para depois.

2. Entenda o porquê

Escrever um livro é um projeto que provoca medo e ansiedade. É por isso que você vem evitando começar. Será que essa ideia é boa mesmo? Será que eu dou conta de escrever uma história tão longa? Será que alguém vai se interessar em ler o que escrevi? Será? Será? Será? Essas inseguranças fazem parte do processo. Se elas vem paralisando você, se pergunte: Por que você quer escrever este livro? O que você acredita que tem para dizer de original sobre o tema da história? Entender suas motivações para escrever vão ajudar você a calar essa voz dentro da sua cabeça que segue tentando convencer você a desistir.

3. Foque no presente

Não seja tão duro com você mesmo. Ficar se menosprezando porque ainda não começou a escrever seu livro ou porque abandonou o projeto no meio do caminho não vai ajudar você em nada. Focar nas suas falhas e defeitos só vai fazer você sentir ainda mais medo e ansiedade para começar a escrever. Não importa o que impediu você de trabalhar na sua história até agora. O importante é que neste exato momento você está determinado a deixar suas desculpas de lado e colocar a mão na massa.

4. Dê um passo de cada vez

Pare de pensar quantas páginas você ainda precisa produzir para concluir sua história. Durante suas sessões de escrita, se concentre simplesmente na cena em que você está trabalhando naquele momento. Ao invés de pensar “ainda falta muito para eu terminar de escrever meu livro” pense “hoje eu só preciso terminar de escrever esta cena”. Para dar conta de projetos longos e complexos, foque sua energia em cada etapa do processo de criação.

5. Escute sua Resistência

Se nenhuma das dicas anteriores funcionar, preste atenção nas desculpas que você inventa para não escrever. Provavelmente são pensamentos do tipo “esse livro vai ficar uma porcaria”, “essa história precisa ficar perfeita”, “quem eu penso que sou para escrever um livro”, “vão achar que eu sou um babaca quando lerem isso aqui”. Se você acredita que essas justificativas são suficientes para você desistir, então pare de sofrer e desista. Caso contrário, chega de manha e vamos começar a trabalhar.